Sobre

Alexandre Bezerra Barbosa
Alexandre Bezerra Barbosa

Formado em Tecnologia da Informação pela UNIP (Antigo Sistemas de Informação), sou profissional de TI por mais de 22 anos, sendo 10 desses como desenvolvedor.

Hoje, como Analista Programador,  entre as linguagens de programação, estão PHP e C# para desenvolvimento de sistemas e APIs.

Ao desenvolver com PHP, entre os Frameworks utilizados, estão o Laravel, Symfony e Zend usados para construir tanto sistemas monolíticos, bem como APIs e micro serviços.

Iniciei meus projetos com a linguagem PHP em 2006. Sou profissional apaixonado pelo que faço.

Minha experiência na área de TI começou quando eu era bem jovem, fora de um ambiente empresarial e ministrando aulas de informatica. Iniciei como muitos prestando suporte a usuários e por fim sempre que possível, invadia a área de desenvolvimento até me tornar um programador. Parte de minha experiência foi construída com: Servidores e redes – Roteadores e Switches Cisco em infraestrutura.

Posso dizer que houveram projetos bem interessantes na minha vida e espero através deste canal compartilhar algumas pesquisas e parte da minha experiência.


Resumo da minha história desde criança em contato com a informática

Em 1984 quando eu tinha somente 5 anos de idade, meu pai começou a se esforçou em investir no meu aprendizado. Embora nosso estilo de vida fosse simples e humilde, o hobby e profissão do meu pai contribuiu para muita coisa. Naquela época, um computador era um investimento proibitivo. Seria mais fácil comprar um carro que um microcomputador.

A famosa rua Santa Efigênia, que fica próximo a estação da Luz em São Paulo, no antigo centro de comercialização da eletrônica e informática é bem diferente de como foi quando eu era criança. Meu pai costumava comprar peças sucateadas e montar “Frankesteins” de computadores que acabavam funcionando! Hoje em dia, praticamente não vale a pena fazer mais isso.

Além dos computadores, meu pai comprava diversos livros simples e infantis, voltado para informática ensinando a programar utilizando linguagem Basic. Uma livraria famosa na rua Vitória, travessa da rua Santa Efigênia, era shopping center para esse tipo de material.
Hoje quem tiver mais de 36 anos de idade, já deve ter comido os famosos churrasquinhos gregos com algum livro na mão que tenha comprado lá.

Meu pai cobrava a leitura mas eu simplesmente odiava. Não entendia que seria a base para o meu conhecimento de hoje: Variáveis, Constantes, Operadores relacionais e matemáticos, Estruturas de rotinas, decisões, loops, repetições, etc.

Na infância, meu primeiro computador foi um TK-90X, onde coloquei em prática os conceitos.

TK90X
Microcomputador TK-90X da Microdigital

Por volta dos meus 8 anos de idade, um computador que me ajudou muito: Foi famoso por algum tempo e tem adeptos nostálgicos até hoje, o MSX. Eu tive o privilégio de contar logo com um MSX 2, modelo Expert da Gradiente, que já era muito avançado em relação a muitos computadores PCs e até videogames da época. O MSX tinha como opcional uma placa de expansão de memória com incríveis 256KB de RAM conhecida como Megaram II. Este computador fazia coisas incríveis! Sem deixar de lembrar da maravilhosa placa de som japonesa chamada FM-PAC da Matsushita capaz de reproduzir sons eletrônicos de forma bem evoluída para época.  Você pode ter uma ideia dela, neste vídeo postado no youtube. Neste computador, aprendi a programar coisas mais interessantes em Basic.

O programa seguinte em Basic, funcionava em praticamente todas as versões antigas do Basic:

10 REM *** PROGRAMA DA TABUADA - 1989 ***
20 CLS : COLOR 15, 1, 1
30 LOCATE 10, 8 : PRINT "BEM VINDO AO"
40 LOCATE  8, 9 : PRINT "PROGRAMA DA TABUADA"
50 LOCATE 6, 14 : PRINT "PRESSIONE A TECLA ENTER"
60 A$ = INKEY$ : IF LEN(A$) = 0 THEN 60
70 IF A$ = CHR$(13) THEN 80 ELSE 60
80 CLS
90 LOCATE 2, 2 : PRINT "ESCOLHA:"
100 LOCATE 5, 8 : PRINT "1 - ESTUDAR A TABUADA"
110 LOCATE 5,11 : PRINT "2 - TESTAR CONHECIMENTOS"
120 A$ = INKEY$ : IF LEN(A$) = 0 THEN 120
130 IF A$=CHR$(49) THEN 160
140 IF A$=CHR$(49) THEN 401
150 GOTO 120
160 CLS
170 INPUT "A TABUADA DE QUE NUMERO"; A$
180 INPUT "DE ZERO ATEH QUANTO"; B$
190 PRINT ""
200 FOR I = 0 TO VAL(B$)
210 LET P = I MOD 10
220 LET T = VAL(A$) * I
230 PRINT A$ ; " X " ; I ; " = " ; T
240 IF P = 0 AND I > 1 THEN INPUT "CONTINUE"; C$ : PRINT "CONTINUANDO ..." : PRINT ""
250 NEXT I
260 PRINT "DESEJA NOVA TABUADA? (S/N)" 
270 A$ = INKEY$ : IF LEN(A$) = 0 THEN 270
280 IF A$=CHR$(83) THEN 160
290 IF A$=CHR$(115) THEN 160
300 IF A$=CHR$(78) THEN 330
310 IF A$=CHR$(110) THEN 330
320 GOTO 270
330 CLS : PRINT "VOCE QUER MAIS?"
340 PRINT "" : PRINT "O QUE ACHA DE UM TESTE? (S/N)"
350 A$ = INKEY$ : IF LEN(A$) = 0 THEN 350
360 IF A$=CHR$(83) THEN 401
370 IF A$=CHR$(115) THEN 401
380 IF A$=CHR$(78) THEN 20
390 IF A$=CHR$(110) THEN 20
400 GOTO 350
401 CLS : LOCATE 2, 10 : PRINT "NIVEL DE DIFICULDADE: " : LOCATE 2, 12 : PRINT "FACIL=1, MEDIO=2, DIFICIL=3"
402 A$ = INKEY$ : IF LEN(A$) = 0 THEN 402
403 IF A$=CHR$(49) THEN LET D = 1 : GOTO 410
404 IF A$=CHR$(50) THEN LET D = 2 : GOTO 410
405 IF A$=CHR$(51) THEN LET D = 3 : GOTO 410
406 GOTO 402
410 LET V = 3 : LET E = 0 : LET A = 0
420 CLS
421 IF D = 1 THEN PRINT "TESTE DE TABUADA - NIVEL FACIL"
422 IF D = 2 THEN PRINT "TESTE DE TABUADA - NIVEL MEDIO"
423 IF D = 3 THEN PRINT "TESTE DE TABUADA - NIVEL DIFICIL"
430 LOCATE 1, 3 : PRINT "ERROS: "; E ;" ACERTOS: "; A ;" CHANCES: "; V
440 SEED = RND(-TIME)
450 IF D = 1 THEN LET X = INT(RND(SEED) * 99)
451 IF D = 2 THEN LET X = INT(RND(SEED) * 999)
452 IF D = 3 THEN LET X = INT(RND(SEED) * 9999)
460 IF D = 1 THEN LET Y = INT(RND(SEED) * 10)
461 IF D = 2 THEN LET Y = INT(RND(SEED) * 10)
462 IF D = 3 THEN LET Y = INT(RND(SEED) * 99)
470 LET R = X * Y
480 LOCATE 0, 6 : PRINT "QUAL O RESULTADO PARA: "
490 LOCATE Y ; "X "; X ; " = ??"
491 TIME = 0 : LET T = TIME
500 LOCATE 6, 12 : INPUT "RESPOSTA"; R$
501 LET T = TIME - T
502 H = INT(T/180000!)
503 T = T-(H*180000!)
504 M=INT(T/3000)
505 T=T-(M*3000)
506 S=INT(T/50)
507 LOCATE 6, 19 : PRINT "TEMPO PARA RESPOSTA: "
508 LOCATE 10, 21 : PRINT USING "##:##:##";H;M;S
510 IF VAL(R$) = R THEN 620
520 LOCATE 6, 14 : PRINT "ERROU! RESPOSTA CERTA: "; R
521 LET T = TIME - T
522 H = INT(T/180000!)
523 T = T-(H*180000!)
524 M=INT(T/3000)
525 T=T-(M*3000)
526 S=INT(T/50)
527 LOCATE 6, 19 : PRINT "TEMPO PARA RESPOSTA: "
528 LOCATE 10, 21 : PRINT USING "##:##:##";H;M;S
530 LET V = V - 1 : LET E = E + 1
540 LOCATE 4, 17 : PRINT "TECLE ENTER PARA CONTINUAR"
550 C$ = INKEY$ : IF LEN(C$) = 0 THEN 550
560 IF A$=CHR$(13) THEN 570 ELSE 550
580 CLS : LOCATE 12, 10 : PRINT "GAME OVER" : LOCATE 2, 12 : PRINT "SEUS ACERTOS: "; A ; "SEUS ERROS: "; E
590 LOCATE 4, 17 : PRINT "TECLE ALGO PARA CONTINUAR"
600 C$ = INKEY$ : IF LEN(C$) = 0 THEN 600
610 GOTO 20
620 LOCATE 5, 14 : PRINT "CORRETO! RESPOSTA: "; R
630 LET A = A + 1
640 LOCATE 4, 17 : PRINT "TECLE ALGO PARA CONTINUAR"
650 C$ = INKEY$ : IF LEN(C$) = 0 THEN 650
660 LET G = A MOD 10
670 IF G = 0 AND A > 1 THEN LET V = V + 1 : LET D = D + 1
671 IF D > 3 THEN LET D = 3
680 GOTO 420

Quanto executava:

Programa Tabuada no MSX
Programa Tabuada no MSX
Programa Tabuada no MSX
Programa Tabuada no MSX
Programa Tabuada no MSX
Programa Tabuada no MSX
Programa Tabuada no MSX
Programa Tabuada no MSX
Programa Tabuada no MSX

Eu ria a toa vendo isso funcionar quando estava com 10 anos de idade já me sentia um programador! 😀

Se você tiver curiosidade, poderá testar esse programa em um emulador.

Esse programa acima é em homenagem aos esforços do meu pai, que vivia me tomando a tabuada para ver se eu ainda estava esperto.

msxbasic
Imagem da TV apresentando o MSX Basic 1.0
MSX2
MSX 2 Expert da Gradiente

Graças a essa base, pude mais tarde me desenvolver na linguagem Visual Basic da Microsoft, também baseada no familiar BASIC, onde já conseguia construir aplicações mais robustas e com componentes DAO.
Mais tarde em 1994 com 15 anos de idade, já ministrava aulas de informática baseadas no “Windows 3.11 for workgroups” e alguns aplicativos incluindo a suíte famosa da Microsoft, o então Office 6.0 for Windows (O primeiro para plataforma gráfica que já funcionava no Windows 3.1)

Um detalhe importante é: a Internet não existia para o público como hoje! Na verdade somente a partir de 1992 começaram a aparecer notícias na TV, mas ainda sendo protótipo e restrito a faculdades.

Nesse meio tempo eu pude ter a minha disposição um PC-TX da Itautec em 1990 com apenas 640kb de ram e IBM PC-DOS 3.0 com Sidekick da Borland. Logo depois, um PC-AT com processador Intel 286 de 2048 mb de RAM e placa de vídeo EGA de 64 cores, já com drive unidade de diskettes de tamanho 3 1/2 e capacidade 1.44 Mb.

Pouco depois, conheci o PC-AT mais evoluído, com um processador 386 DX 33 MHz com 4mb de Ram e uma maravilhosa placa SVGA (Super VGA) da Trident de 256KB. Esta placa era muito evoluida e capaz de reproduzir imagens com até 256 cores e resolução 640×480 pixeis! Esse computador já possuía um kit multimídia da Creative Sound Blaster 16 que reproduzia áudio MIDI de forma muito fiel para karaokês!

Em 1994, tive meu primeiro computador com processador 486 DLC 40, e com um potente disco rígido de 400MB! e foi neste computador onde eu conheci o Microsoft Windows 95 e logo depois o Windows 98. Nesta época eu já sabia programar em Clipper e Pascal, sem nunca ter estudado um curso de computação nas escolas da época. Eu frequentava o ensino médio, e não era facil de encontrar cursos de programação para jovens aprendizes.

Já que nem o Google ou Youtube existiam, porque a internet ainda era bebê, aprender era bem mais difícil e dependia da leitura de livros caríssimos.

Somente em meados de 1997/1998 quando começou-se a utilizar a internet no Brasil em escala maior. Proém, utilizar internet nessa época era muito oneroso, porque além do alto custo pago a operadora de telefonia, era necessário pagar pelo acesso concedido pelo provedor de Internet. O pior é que o desempenho era muitas vezes deprimente!

Com o passar dos anos, os computadores se tornaram mais acessíveis e fáceis de se obter “gradualmente”. Começou-se a época dos upgrades e “muita gente” montava computadores para vender. Estivemos entre esses, e assim, os meus computadores também acabaram evoluindo.

EU estava no começo de tudo em minha vida, avançando e fazendo vários trabalhos informais desde os 14 anos de idade. Assim, comecei a fazer minhas próprias dívidas! 🙂

Com o tempo, montei um computador bem potente para época em 2000 (Época que todos tinham medo do Bug do milênio…rs) com processador Intel Pentium III 800 MHz e placas Geforce que foram evoluindo desde a MX 200 até as series 4. Neste computador aprendi muitas coisas novas e daí foram só aprimoramentos. Nessa época também já estava chegando nas prateleiras aqueles computadores com processadores Pentium 4, muito caros. Daria para comprar um carro popular de apenas 4 anos de uso, com o valor necessário para comprar um computador com processador Pentium 4. Isso também me fez lembrar de que, pouco antes disso, no ano 1999, eu já estava trabalhando com redes onde configurava interfaces de rede que utilizando o famoso protocolo NETBEUI e conexões através de cabos coaxiais. Não me lembro mais de como faz isso! rs

Os computadores e seus sistemas evoluíram muito nestes últimos 10 a 15 anos. Mas sou feliz de ter vivenciado uma época onde tudo ainda estava em evolução para chegar ao que conhecemos hoje.

obrigado por se interessar em descobrir um pouco mais da minha história!

[]’s

5 comentários

  1. Amigo, sem querer ser chato e preciosista, sei que esse não é o foco do seu blog, mas seu programa de tabuada obviamente não funciona num MSX ou em qualquer outro BASIC da época. Você não pode usar variáveis tipo string como se fossem numéricas como você fez. Além disso, na leitura de tecla, se len(a$)=0 (vale dizer que a$=””, o que é mais usual se utilizar) você tinha que mandar o goto pra própria linha 110 e não para 140. Do jeito que está ele vai ficar imprimindo a mensagem de tecla inválida em loop até que alguma tecla válida seja pressionada.

    Longa vida ao MSX e ao Linux!

    Abraço!

  2. Camarada, vivemos várias fases parecidas e também usei o então maravilhoso TK-90X. Comprava tudo que existia para ele, livros, revistas e fitas K7. Ficava até de madrugada brincando com o BASIC. Atualmente mexo muito com PHP e venho te agradecer por seus ótimos tutoriais sobre CRUD e outros.
    Obrigado e felicidades.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.